Krampus e São Nicolau: quem são eles?

Antes de morar em Viena, morei em uma cidadezinha nos Alpes chamada “Ainring” – é coladinha com Freilassing, última cidade alemã antes da divisa com a Áustria. Foi nessa cidadezinha que eu tive meu primeiro contato com duas figuras natalinas super importantes: Krampus e São Nicolau. Estou dividindo essa curiosidade com vocês porque hoje é o dia do Krampus (5 de dezembro) e amanhã é o dia do Sankt Nikolaus!

Aqui existe o papai noel (igual ao nosso, o próprio “papai-noel-coca-cola”), mas também existe o São Nicolau. Olhe só que bacana: no dia 24/25 de dezembro, as crianças recebem presentes do papai noel e no dia 6 de dezembro, recebem presentes do São Nicolau. Tá, o São Nicolau é mais “humilde”: ele entrega mini-tangerinas (delícia!) e doces. Então, os presentes do dia 6 de dezembro são mais simples. Mesmo assim, o São Nicolau é o mais amado e o mais temido também. Explico: o Sankt Nikolaus carrega um livro de ouro que diz se o teu(a) filho(a) foi uma boa criança durante o ano ou não. As que não se comportaram morrem de medo dos Krampus – os “amigos” do Sankt Nikolaus. Daqui a pouco falo sobre eles. Ah, o bacana é que os pais têm costume de contratar alguém para se vestir de São Nicolau e contam tudo o que os filhos fizeram de bom e de ruim e aí as crianças realmente acreditam que ele sabe de tudo, que no livro de ouro do São Nicolau tem escrito tudo sobre a vida deles.

Krampus e São Nicolau
Foto tirada por Thomas

Como eu disse, o São Nicolau não está sozinho! Além de bruxas que ficam varrendo os pés das pessoas, ele tem uns amigos chamados Krampus e quando os pais contratam alguém para se vestir do Santo, também contratam alguns Krampus, que são muuuuuito assustadores. Eles usam dois ou três sinos na cintura e dá para ouvir de longe o barulho, porque onde tem um Krampus, tem outro vários. E quando o Sankt Nikolaus lê o livro perto dos pais e das crianças, ele diz mais ou menos assim:

“Neste ano, você foi muito bom nisso, nisso e naquilo outro, mas eu também sei que você fez isso e isso errado…”

A cada coisa errada que o Santo vai anunciando, um Krampus (geralmente encostado na porta da casa), balança os sinos que ele carrega, como se fosse punir a criança. Vocês precisam ver a foto de um Krampus para imaginarem direito:

Krampus e São Nicolau

 

Eu, já adulta, morro de medo de Krampus! A primeira vez que os vi, foi ano passado. Me lembro de ter que ir aos Correios e o Schatz estava no trabalho, ou seja, eu estava sozinha e comecei a escutar o barulho dos sinos. Andei mais rápido para chegar em casa e na curvinha do bloco, levei um BAITA susto porque dei de cara com um………….UMA SENHORA! Morri de vergonha e pedi desculpas, é claro!
Bom, espero que vocês tenham achado a história tão interessante quanto eu achei e deixo um vídeo de uma caminhada de Krampus para vocês assistirem!

 

 

Para os corajosos que quiserem ver mais vídeos, é só colocar “Krampuslauf” no youtube. Para saber um pouco mais sobre Krampus e ver mais fotos (com mais foco, aliás), veja este outro post que escrevi sobre eles.

Não falei que eles batem? Pois é. TERROR E MEDO! Ah, quem estiver no norte da Alemanha, não se preocupe! Os Krampus são mais comuns no sul, na região dos alpes!

P.S.: Eu escrevi certo! Mini-tangerina é presente aqui! As crianças comem muita fruta e adoram!